Finalmente de volta às Montanhas…

 

Bem amigos da rede globo, já faz um tempinho que eu nao escrevo por aqui. Tenho trabalhado bastante nestas últimas 4 semanas mas isso não significa que não consegui ir para as Montanhas…sábado passado Samona e eu fomos para uma região ao norte daqui de casa que é belíssima.

Saca o videozinho que eu fiz e eu tb postei algumas fotos…

A idéia era escalar o Sperry e o Vesper e acampar por lá mesmo. É uma bela caminhada até chegar no vale com o Lago congelado…e carregamos os equipamento de camping + comida para dois dias. Chegamos no vale ao redor da 1 da tarde. Deixamos a maioria do peso atras de uma pedra e fomos tentar mandar o primeiro, o Sperry. A Lógica era simples, se não conseguíssimos teríamos como cruzar por cima do colo entre as duas montanhas e mandar o Vesper (que é mais facil)…

As coisas não foram bem assim :^) demoramos mas do que imaginávamos devido ao acúmulo de neve e as condições escorregadiças do granito. Ainda para variar, pegamos um lado errado na montanha que tornou a escalada meio perigosa. Voltamos e tentamos uma outra rota que se provou a rota certa. Acho que chegamos a uns 80m do pico da montanha e o tempo virou completamente, com umas nuvens sinistras entrando por cima do vale à leste. Uma coisa eu aprendi a bastante tempo: se parece perigoso, é porque é perigoso. Fizemos uma avaliação de tempo versus terreno que tínhamos que cobrir versus a velocidade que estávamos conseguindo progredir…computando tudo a resposta foi: Hora de virar e desescalar.

Quando chegamos de volta ao lago congelado, as condições tinham melhorado um pouco, mas nao tínhamos como saber. Decidimos nao acampar e sim voltar para o carro (isso ia significar pegar um bom trecho da trilha no escuro, e cruzar dois trechos de rio no escuro). A base desta decisão foi de que a condição da neve não estava boa e se o tempo estivesse ruim no dia seguinte, a gente teria sofrido na friaca à toa.

E foi isso mesmo. Trilha à noite tem que ter cuidado redobrado pois mesmo com a Headlamp tem lugares que a trilha não é óbvia e se vc se perder é bivaque certo (pelo menos a gente tinha a barraca).

Chegamos no carro umas 19:35 e quase 20:00 já estávamos a caminho de Seattle. Mandamos um Burrito no Qdoba e cheguei em casa e foi banho quente e cama. Um detalhe foi que no desta vez demorei para me recuperar do frio e tremia de frio mesmo depois do banho quente..

Dica para todos: se for acampar no frio, invista numa LUVA que não tenha dedos e que seja mega a prova dágua…

Namaskar

MW

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s